Você já parou para pensar na importância dos seus hábitos para um mundo mais sustentável?

A sustentabilidade do planeta depende – e muito – do nosso empenho

Tenha em mente o seguinte: no jogo da sustentabilidade você é uma peça fundamental! Vamos pensar na reciclagem. Para que os produtos sejam, de fato, reciclados, eles precisam chegar aos destinos corretos. E para tanto, devemos separar os nossos resíduos em casa e encaminha-los corretamente!

Sem isso, a coleta seletiva não acontece, a cooperativa não pode fazer a triagem, não há material para ser comercializado e a indústria recicladora não tem insumos para trabalhar e gerar novas matérias-primas. E, principalmente, se não separamos nossos resíduos recicláveis, eles acabam sendo despejados nos aterros sanitários ou pior, em locais inadequados.

Todos os dias, quando separamos nosso lixo estamos contribuindo com o planeta. Vamos, então, fazer uma análise? Um teste para ver quanto produzimos de lixo por dia em nossas casas?

Segundo reportado pelo Panorama dos Resíduos Sólidos no Brasil 2018/2019, publicado pela Abrelpe (Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais), cada brasileiro gera cerca de 1,035 quilo de resíduos por dia. Ou seja, no nosso país, a população gera aproximadamente 216 toneladas de resíduos a cada 24 horas.

Mas como será esse montante que juntamos diariamente em nossas casas? A Abrelpe também já divulgou que mais de 30% dos resíduos sólidos produzidos no País apresentam potencial para a reciclagem. Se a gente gera aproximadamente 1 quilo de resíduos por dia, são 365 quilos por ano. Se desses 365 quilos, 30% têm potencial para reciclagem, ao separar o lixo em casa destinando-o adequadamente para a coleta seletiva, cada brasileiro evita que quase 110 quilos de materiais recicláveis sejam descartados nos aterros sanitários todos os anos. Bastante coisa, não?

Separar os resíduos em casa é uma demonstração de cidadania. A gente separa e a gente mesmo colhe os frutos dessa dedicação. Quando auxiliamos na construção de um mundo mais saudável, garantimos um presente melhor para nós e futuro para as próximas gerações. Vamos fazer a nossa parte e separar nossos resíduos em casa?

Referências:
(1) Panorama dos Resíduos Sólidos no Brasil 2018/2019